29 de jun de 2012

Pastor José Wellington participa de celebração pelos 96 anos do pastor Anselmo Silvestre

Culto em ação de graças marcou os 96 anos de vida do Líder da AD em Minas Gerais

Pastor Anselmo ao microfone, agradece a igreja observado pelo
amigo, pastor José Wellington Bezerra da Costa
O pastor Anselmo Silvestre, presidente da Convenção de Ministros das Assembleias de Deus no Estado de Minas Gerais (COMADEMG) e Presidente de Honra da AD em Belo Horizonte (MG), completou no último dia 1 de junho, 96 anos de vida. Para Homenagear o líder, foi realizado no templo-central da AD BH, hoje presidida por seu neto, pastor Moisés Silvestre Leal, um culto de gratidão a Deus na noite de 4 de junho.



O pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) e da AD no Belenzinho (SP), esteve presente na festa para prestigiar o amigo e companheiro, pastor Anselmo.

Em suas palavras o líder afirmou "pastor Anselmo é um patrimônio, uma reserva viva das ADs no Brasil, o trabalho que este servo do Senhor já desenvolveu para o Reino dos Céus, com toda certeza é um exemplo para todos nós".

O culto lotou o templo-central na Rua São Paulo, região central de BH, dezenas de obreiros e membros da região homenagearam o líder pela data festiva.

Pastor Anselmo além de presidir por mais de 60 anos a AD em BH, presidir a COMADEMG, já fez parte da diretoria da CGADB em vários mandatos, chegando a ser seu primeiro vice-presidente.

Confira abaixo um resumo da vida do pastor Anselmo Silvestre que é conhecido em todo Brasil por sempre começar suas palavras cantando o hino "Tem que começar pelo altar".

O Pastor Anselmo Silvestre tem sua história de vida e ministério entrelaçada com a história da Assembleia de Deus Mineira. Em seus primeiros 30 anos de existência, a igreja mineira foi presidida pelos pastores Clímaco Bueno Asa, colombiano; Nils Kastberg, sueco, e pelo pastor Algot Svenson, também sueco.

Com a morte do Missionário Algot Svenson na Suécia em 1958, os obreiros nacionais já existentes na Igreja indicaram para sucedê-lo o seu auxiliar, Anselmo Silvestre, que com a aprovação da Igreja, assumiu a direção do Ministério.

Desde então, o Pastor Anselmo Silvestre tem presidido a Igreja que, em 1979, sofreu nova mudança de denominação, passando a ser chamada Assembleia de Deus. Nesses mais de 50 anos à frente da Assembleia de Deus, o pastor Anselmo Silvestre empreendeu estratégias de crescimento da igreja,  descentralizando o trabalho, com a aquisição de imóveis tanto na capital como no interior do estado, e a construção de templos para a realização de cultos.

Muitas frentes de evangelização foram realizadas, com cruzadas evangelísticas, concentrações e outros eventos que difundiram o Evangelho, fazendo da Assembleia de Deus uma das maiores Igrejas no Estado.

Na área administrativa, o pastor Anselmo remodelou a igreja, criando departamentos e comissões, a fim de dar suporte ao desenvolvimento das atribuições eclesiásticas. Sob a direção de Deus e com a graça do Espírito Santo, a igreja experimentou vertiginoso crescimento em todas as suas frentes de atuação, tornando-se numa das maiores de todo o país.

Em dezembro de 2009, passou a presidência da igreja ao seu neto, Pastor Moisés Silvestre Leal, permanecendo como Presidente de Honra do Ministério e Presidente da Convenção Mineira, a COMADEMG.

Por Tiago Bertulino com informações da AD BH
e fotos do Pr. Antonio Carlos

Líder da CGADB, pastor José Wellington falando a Igreja



Da esquerda: Pastores, Anselmo Silvestre, José Wellington,
Moisés Silvestre e José Vieira Izidório
Pastores, Anselmo, Wellington, Moisés e Izidório